Review - Street Fighter: The Movie - Arcade



Street Fighter: The Movie - Arcade

No inicio dos anos 90 um dos jogos mais populares em qualquer Arcade / Fliperama era sem duvidas “Street Fighter II”, não vou nem falar a serie como um todo, já que o primeiro jogo da serie passou e ninguém nem viu, ou os poucos que tiveram o prazer de jogar não tiveram boas experiências com tal. Por isso Street Fighter II durante um longo período era o jogo em qualquer Arcade que você sempre iria ver alguém jogando ou comentando que tinha jogado.

Então nada mais normal que assim que anunciaram que estavam produzindo um filme do jogo todos ficaram bem empolgados, ainda mais porque nesse filme teríamos participações de alguns atores bem populares na época que eram nada menos que “Jean-Claude Van Damme” e “Raúl Juliá”, parecia que nada poderia dar errado, até o filme ser lançado e todos nos, ou pelo menos aqueles que tiveram a oportunidade de ver puderam constatar que o filme alem de não ser bom, pra não dizer outras coisas, ainda tinha uma historia bem sem noção.

Pois bem, como toda coisa ruim nunca vem sozinha, o filme ainda rendeu uma versão do jogo para os videogames e Arcades “Street Fighter: The Movie”. E como não poderia deixar de ser esse era um jogo onde literalmente você jogava com os personagens do filme, alem dos cenários que também foram construídos inspirados nos cenários do filme, então não estranha se você estiver jogando e estiver lutando em um laboratório prestes a ser destruído, ou então, você estiver lutando e perceber ao fundo um furgão de alguma emissora de TV, mas mesmo os cenários sendo inspirados no filme, vários desses cenários você não vai conseguir encontrar com exatidão dentro do filme, já que para ter uma boa variedade de lugares, alguns desses cenários foram construídos apenas usando conceitos retirados do filme, mas que não existem dentro do filme.

Outra coisa que você também não vai encontrar aqui são as trilhas sonoras, ou melhor, os temas mais que conhecidos de Street Fgihter, todos os cenários possuem musicas próprias, mas nenhum dessas são musicas da serie, mas sim uma trilha sonora feita para o jogo. As musicas em sua maioria não são musicas ruins, se você parar e começar a ouvir pode até começar achar aceitável, mas o problema é que com isso distanciou ainda mais essa versão do jogo com a serie Street Fighter que todos conhecemos. Todas as vozes dos personagens também são dos seus próprios atores, ou pelo menos é o que parece, fora que em vários cenários os sons ambientes são tão altos que chamam mais a atenção do que a própria musica, como no caso de um cenário que tem um caminhão passando ao fundo, o som que esse faz chama mais atenção do que a musica do cenário.

E o que dizer da jogabilidade do jogo, onde todos os personagens, que alias, são os atores do filme colocados ali para você jogar, bem parecido com o que vimos no primeiro Mortal Komabt, mas então, todos esses personagens possuem movimentos duros e bem travados, sendo que em vários momentos chega ser ridículo ver esses executarem algum movimento ou golpe. Mas mesmo a jogabilidade não sendo uma das melhores o jogo trouxe algumas inovações que ainda não existiam em Street Fighter II, como por exemplo uma espécie de combo aéreo, que enquanto seu adversário estivesse caindo você poderia ficar aplicando vários golpes que ainda o acertavam, você também tinha a capacidade agora de cancelar golpes especiais, os personagens ganharam alguns golpes exclusivos, movimento de regeneração, que faz com que seu personagem recupere um pouco de vida, alem de contar com dois Super Combos.

E já que estamos falando de um jogo baseado em um filme, é lógico que não poderiam faltar cenas retiradas do filme, cenas essas que vão te acompanhar desde a introdução do jogo, passando por varias lutas até você conseguir finalizar o jogo onde você também vai assistir mais algumas cenas retirada das telinhas. E mesmo o jogo tendo uma dificuldade considerada moderada, você ainda pode ter alguma dificuldade de inicio até conseguir se adaptar aos controles do jogo e aos movimentos estranhos de alguns personagens.

Street Fgihter: The Movie foi desenvolvido pelas “Incredible Technologies” e “Capcom”, e publicado pelas “Capcom” e “Acclaim” em 1995, para “Arcade”, “Playstation” e “SEGA Saturn”. As versões para videogame no Japão foram lançadas com o nome de “Street Fighter: Real Battle on Film”, pois já existia um anime que usava o nome Street Fighter: The Movie,alem dessas ainda contarem com vozes diferentes das versões lançadas no ocidente.



Vídeo Gameplay


(Dissection)





Episodio do podcast onde o jogo foi um dos jogos comentados:
Neo Player - 009 - Jogos baseados em filmes







Posts Relacionados