Review - Marko's Magic Football - Mega Drive



Marko's Magic Football - Mega Drive

Bem, este aqui não é bem um game de futebol propriamente dito, mas se tem bola, acredito que esteja valendo. Agora, o que acham de acrescentar uma pitada de enredo sem noção e uma trama pra lá de esquisita? Aí a coisa fica interessante certo, então vamos dar uma espiadinha neste game de plataforma de futebol, e não, não estou falando de Soccer Kid.


Certa vez um cientista maluco resolve fazer experimentos radioativos em animais, o resultado? Monstros terríveis são criados e a população com isso fica em perigo com estes bichos soltos pela rua. Mas eis que uma bola de futebol, sim uma bola de futebol acaba por receber um pouco deste líquido radioativo e o resultado? uma arma superpoderosa é criada, por sorte um garoto viciado em futebol a descobre e resolve então usá-la para acabar com esses experimentos e o próprio cientista maluco, e o melhor disso tudo, fazendo o que mais gosta, jogando bola.


Marko's Magic Football pode ter um enredo soberbo ao mesmo tempo que explora um universo fantasioso fantástico que mexe com a cabeça de qualquer criança, unir uma paixão mundial que é o futebol com uma trama mirabolante parece não ter sido exclusividade deste game, jogando bem rápido notamos muitas semelhanças com um game já lançado tempos atrás que é o Soccer Kid, não que isso seja ruim, pelo contrário, compartilhar uma ideia e aperfeiçoá-la faz parte de qualquer segmento, no mundo dos games não poderia ser diferente e na minha opinião, Marko´s Magic Football é bem superior do que seu ancestral.


O game é um estilo plataforma de futebol, controlamos o garoto Marko´s por diferentes ambientes em busca de destruir os barris radioativos e limpar a cidade deste experimento malvado. A jogabilidade é um pouco presa, mas não chega a atrapalhar, depois que acostumamos com o fato de que temos que dominar uma bola e acertar o alvo com manobras do próprio esporte, como bicicletas, cabeçadas, chute alto, baixo, conseguimos então avançar perfeitamente pelos cenários.


Os gráficos do game são bem caracterizados, o que incomoda são os cenários ao fundo, propositalmente ou não são todos estourados, meio que para ficar desfocados não sei bem, o fato é que não tinha necessidade disso visto que o resto todo é bem estruturado e definido como rostos dos personagens, objetos e tudo mais. O game teve versões também para o Super Nintendo, SEGA CD e Game Gear. Dos quatro fico com a versão de Mega Drive que mesmo parecendo difícil de acreditar tem detalhes e gráficos melhores que o Super Nintendo que além de uma paleta de cores mais escura, teve alguns personagens e objetos retirados dos cenários, de bom acredito que o som seja melhor, assim como a versão de SEGA CD, a do Game Gear não cheguei a jogar mas o pouco que vi ficou muito bem portado para o console de 8 bits da SEGA.



Vídeo Gameplay


|__CisNegro__|






Posts Relacionados